Ex-autarca condenado por peculato

O antigo vice-presidente da Câmara de Freixo de Espada à Cinta, Pedro Mora, foi hoje condenado a três anos e três meses de prisão, com pena suspensa, pelo tribunal de Torre de Moncorvo, pela prática de um crime de peculato.

O caso remonta à altura em que Pedro Mora ocupou o cargo de vereador do turismo na autarquia de Freixo de Espada à Cinta, admitindo em tribunal que foi vítima de chantagem por parte de uma mulher com quem mantinha uma relação extra-conjugal.

Pedro Mora não esteve na audiência de leitura da sentença que o condenou ainda ao pagamento de mil euros como donativo à Santa Casa da Misericórdia de Torre de Moncorvo e à divulgação pública de um pedido de desculpas.

, ,