Autarquia investe 2,3 milhões de euros em saneamento

Nos últimos meses a rede de saneamento tem sido uma das grandes preocupações da autarquia lamecense, investindo cerca de 2,3 milhões na melhoria dessa resposta aos seus munícipes.

Para António Alves da Silva, Vice-Presidente da autarquia estes projetos não são mais do que “dar às pessoas aquilo a que têm direito, o saneamento”

“Estamos a chegar ao fim de dois grande projetos, o de Souto Covo e o de Vila Nova de Penude, cada um com certa de 500 mil euros de investimento”.

A somar a este milhão de euros, na freguesia da Penajóia haverá um outro, de 1,3 milhões, com o objetivo de melhorar as condições de vida de quem ali permanece.

“A Penajóia é um caso mais grave ainda, é uma freguesia onde a rede de saneamento é ainda escassa e onde falta implementar cerca de 90% da rede. O projeto que vamos anunciar agora e que é totalmente da nossa responsabilidade tem um custo total de cerca de 1,3 milhões de euros.

Neste momento temos uma cobertura na ordem dos 85 a 90% na totalidade do concelho o que torna o caso da Penajóia um caso ainda mais gritante e que queremos resolver no menor espaço de tempo possível”.

Este projeto será apresentado em breve mas para já fica a certeza de que a rede de saneamento do município continua a crescer, olhando à melhoria de vida das suas populações.

,