Homem encontrado morto na barragem de Bagaúste

A GNR de Viseu informou ontem que foi encontrado “um cadáver do sexo masculino, entre os 30 e 40 anos, na margem sul do Rio Douro, na Barragem do Bagaúste”, no concelho de Lamego.

“Não foi encontrado no rio mesmo, foi na zona térrea e, segundo a polícia marítima, poderá ser, não há certezas, o de um indivíduo que estava desaparecido e que pertenceria a uma tripulação de um barco que se encontrava ancorado no Porto da Régua”, explicou à agência Lusa a GNR de Viseu.

Segundo informação da Polícia Marítima da Régua transmitida à GNR, “o barco estava atracado e ele ter-se-á ausentado para dar uma caminhada e não regressou” e, entretanto, “a Polícia Judiciária foi contactada e tomará conta da ocorrência”.

Segundo o comandante dos Bombeiros Voluntários do Peso da Régua, o alerta, dado às 13h56, chegou “por turistas que estavam no local a tirar umas fotografias”.

“No local não havia carro, nem nenhuma outra pessoa, por isso, ainda não se sabe o que terá acontecido ao certo”, referiu Rui Lopes que acrescentou ainda que quando as autoridades chegaram ao local “já encontraram o homem sem vida”.

A Polícia Judiciária foi também chamada ao local mas, segundo o VivaDouro conseguiu apurar junto de fonte da GNR, “não existem indícios de crime ou suicídio, tudo indica que terá sido um acidente”.

A vítima, natural de Matosinhos, era tripulante de um cruzeiro turístico do Douro e terá saído do barco, atracado no cais do Peso da Régua, na noite anterior como era seu hábito, para caminhar na zona onde o corpo foi encontrado.

Para o local do acidente deslocaram-se a GNR de Lamego, de Tarouca e de Peso da Régua, a Polícia Marítima, a Polícia Judiciária e os Bombeiros Voluntários de Peso da Régua, com três veículos e 11 elementos.

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *