Município investe 11 milhões em Plano Estratégico de Desenvolvimento

Francisco Lopes e Emídio Gomes a assinar o PEDU

Francisco Lopes e Emídio Gomes a assinar o PEDU

Francisco Lopes, presidente da autarquia lamecense, assinou, a 31 de maio, o contrato de financiamento do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) de Lamego, durante uma cerimónia que decorreu no Europarque, em Santa Maria da Feira.

O contrato do Plano Estratégico de Desenvolvimento vai garantir o cofinanciamento comunitário, em 85 por cento, a aplicar na concretização de investimentos que vão ascender a 11 milhões de euros e que abrangem três eixos prioritários: regeneração urbana, mobilidade e apoio a comunidades desfavorecidas. A cerimónia foi presidida por Pedro Marques, Ministro do Planeamento e das Infraestruturas.
Na área da inclusão social, o Plano Estratégico de Desenvolvimento vai contemplar intervenções em dois bairros e no âmbito da regeneração urbana será requalificado o espaço público e algum edificado municipal. No eixo da mobilidade está prevista a criação de dois novos “interfaces” na cidade de Lamego para impulsionar a mobilidade suave e os transportes públicos.
O programa valida assim um conjunto de projetos de iniciativa eminentemente pública, de iniciativa municipal, que pretende estimular o investimento privado. “O êxito do PEDU implicará uma forte articulação e corresponsabilização com proprietários, demais titulares de direitos sobre edifícios e atores relevantes da área de intervenção”, sublinhou a autarquia, que afirmou já estar a preparar a carteira de projetos para que em breve seja possível avançar com a concretização deste plano.