Novo investimento no Lar da Misericórdia de Lamego promove envelhecimento saudável

A Santa Casa da Misericórdia de Lamego vai iniciar as obras da segunda fase de requalificação do Lar de Idosos de Arneirós, no valor de 375 mil euros.

O objetivo da empreitada é remodelar e modernizar os espaços interiores e exteriores da ala mais antiga deste equipamento para adequá-los ao cumprimento de todas as normas regulamentares da Segurança Social e da Autoridade Nacional da Proteção Civil.

Os trabalhos a realizar contemplam a renovação do refeitório e da sala de estar, a construção de novas casas de banho e rampas de acesso e a criação de um novo parque de estacionamento para 20 viaturas. Também será requalificado o pátio interior com a instalação de aparelhos geriátricos para promover a prática de exercício físico que vão garantir uma maior qualidade de vida.

A intervenção deve estar concluída até ao final do ano e contempla ainda a instalação de uma nova rede de incêndios e outras intervenções nos treze quartos que integram esta ala desta estrutura residencial.

A concretização deste importante investimento permitirá à Misericórdia de Lamego a realização de atividades intergeracionais e a promoção do envelhecimento saudável. Este conceito é inovador em relação à prática da maioria das Estruturas Residências para Pessoas Idosas na região.

A maior e mais antiga instituição de solidariedade social do concelho concluiu, em fevereiro último, o maior investimento da sua história: a reconstrução e ampliação do Lar de Idosos de Arneirós no valor de cerca de 2 milhões de euros. Neste momento, 36 utentes já estão alojados no novo edifício que permite dar um salto qualitativo na qualidade dos serviços prestados e oferecer melhores condições de conforto e bem-estar. “Somos, cada vez mais, uma instituição de referência no setor social. Oferecemos hoje serviços humanizados, pautados pela excelência e por elevados padrões de qualidade profissional”, sublinha o Provedor António Carreira.

,