Raízes da educação da infância em debate

A Câmara Municipal de Murça, o Projeto Raízes da Educação para o Futuro – (ReduF), e o Centro Interdisciplinar, Inter-Regional e Transfronteiriço de Memória da Educação – (CITRIME – Murça), levam a efeito no próximo dia 6, no Auditório Municipal do Centro de Cultura, a terceira edição do Colóquio “educação, herança cultural e desenvolvimento”.

O tema “raízes da educação da infância e desafios presentes” foi o escolhido para abordar neste seminário, porque embora o facto de ser possível regressar à normalidade e realizar eventos e atividades públicas, interrompidas pela pandemia, foram “as crianças, com certeza, as mais afetadas por toda a situação vivida”.

O Projeto REduF e o CITRIME – Murça, pretendem “refletir sobre os desafios presentes e olhar as raízes dos problemas atuais e prepararmo-nos para encontrar respostas coletivas que sirvam às nossas crianças e às gerações futuras”.

Tendo como pano de fundo a herança cultural do concelho, este colóquio pretende apresentar e debater as formas populares de atender à primeira educação das crianças até chegarmos às conceções pedagógicas elaboradas no século XIX, da sua concretização em jardins de infância até à integração no sistema de ensino, como primeiro passo da formação de base.

O colóquio é constituído por comunicações de especialistas em história e em educação de infância, apresenta alguns resultados da investigação em curso sobre as mestras e os primeiros jardins de infância em Murça e uma síntese crítica sobre caminhos alternativos em debate na atualidade. Termina com uma conferência Marçal Grilo, ex-ministro da Educação, que nos trará uma reflexão sobre “A pré-primária como o primeiro passo da formação de base”.

O III Colóquio é organizado em parceria com a Câmara de Murça, e conta com o apoio da FCT- Fundação para a Ciência e Tecnologia, do grupo promotor do Centro de Memória da Educação de Murça, em colaboração com o Grupo de Trabalho de História da Educação, Herança Cultural e Museologia da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto e do Centro de Investigação e Intervenção Educativas -CIIE.

O evento conta ainda com a cooperação na organização da Faculdade de Letras do Porto e o Instituto de Educação da Universidade do Minho.

,