Escola Profissional recolhe 140 garrafões com tampinhas

Os conceitos de igualdade, de cidadania, educação ambiental, direitos humanos, desenvolvimento sustentável, saúde, entre outros, são essenciais para a formação dos jovens.

Assim, no âmbito da Cidadania e Desenvolvimento e do Programa Eco-Escolas, ao longo deste ano letivo a Escola Profissional da Régua promoveu mais uma vez a recolha de tampinhas de plástico.

Além da sensibilização da separação seletiva do plástico, esta atividade visou promover a formação social dos seus alunos através da solidariedade, dado que as tampinhas recolhidas reverteram a favor do Renato Martins, residente em Vila Real, que é um menino de 5 anos com paralisia cerebral e Síndrome de West.

As tampinhas recolhidas juntaram-se a outras já angariadas pela Escola durante a Meia Maratona do Douro Vinhateiro 2019, numa campanha de recolha para fazer face aos elevados custos mensais com os tratamentos do Renato, nomeadamente Fisioterapia, Terapia da Fala e Terapia Ocupacional.

Esta atividade foi dinamizada pelos alunos Jorge Lebres e Leandro Vilela, alunos do segundo ano do Curso Técnico de Restaurante/Bar, sob a orientação da Coordenadora do Programa Eco-Escolas, professora Patrícia Pinto.

Os 140 garrafões cheios com tampinhas de plástico foram entregues, no dia 19 de junho de 2019, ao Sr. Nuno Martins, pai do Renato Martins.

,