Autarquia investe 15 mil euros em Equipamento de Proteção Individual

A autarquia de Santa Marta de Penaguião anunciou um investimento de cerca de 15 mil euros na aquisição de Equipamento de Proteção Individual (EPI) para as instituições do concelho.

O investimento foi feito após um levantamento junto das instituições do município (Centro de Saúde, IPSS’s, Corporações de Bombeiros, GNR e grupos voluntários organizados), para conhecer a realidade de cada uma relativamente aos equipamentos em “stock” e qual a previsão do material que seria necessário adquirir, para garantir o normal funcionamento de cada uma, durante o período da pandemia.

“A proteção individual de todos os profissionais que trabalham nas instituições que estão na primeira linha de combate à pandemia, como sejam Centro de Saúde, IPSS’s, Corporações de Bombeiros, GNR e voluntários organizados, é a grande preocupação quer dos responsáveis das respetivas Instituições, quer da Câmara Municipal.

Certificarmo-nos que todos trabalham bem protegidos e em segurança, é um passo determinante para garantir que nenhuma instituição fecha ou deixa de prestar os devidos cuidados por falta de pessoal.

É nosso dever proteger todos os profissionais que cuidam de nós de forma qualificada, dedicada e solidária”, afirma a autarquia.

Entretanto a autarquia adquiriu já diverso material no valor de cerca de 10 mil euros, estando já feita outra encomenda de 5 mil euros. Entre o material adquirido até ao momento estão: 3250 mascaras, 50 viseiras, 3000 luvas e 150 fatos.

A autarquia informa ainda que “para além deste material de proteção foram adquiridas ainda 30 camas (estrados e colchões) no valor de 2.345€.

Este é o melhor investimento que poderemos fazer. São as melhores armas que podemos comprar, e a melhor medida que se pode tomar, a prevenção”.

A autarquia aproveitou ainda a oportunidade para agradecer a todos os profissionais e voluntários “que estão a trabalhar para cuidar e proteger os penaguienses e o concelho de Santa Marta de Penaguião”, bem como ao “- Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP), na pessoa do penaguiense Roque Brandão pela oferta de 15 litros de Álcool Gel, produzido no próprio Instituto.

,