Autarquia cria programa de apoio para estabelecimentos comerciais

No seguimento dos prejuízos provocados pelos sucessivos estados de emergência, que causaram grande impacto económico a nível nacional, a Câmara Municipal de Tabuaço, com uma preocupação acrescida a nível da economia local, aprovou um programa de apoio aos estabelecimentos comerciais encerrados e parcialmente encerrados, desde que localizados na área do Município, e que irá ser complementado com outros programas baseados nas possíveis quebras de facturação das empresas e no sentido de fomentar a retoma turística.

Os valores a atribuir neste primeiro apoio, a título único, vão até ao limite máximo de 700 euros por candidatura, traduzindo-se em 90% do valor da renda mensal ou prestação do empréstimo bancário associado à aquisição do estabelecimento + 300€, para estabelecimentos encerrados e em 45% do valor da renda mensal ou prestação do empréstimo bancário associado à aquisição do estabelecimento + 150€ para estabelecimentos parcialmente encerrados.

No caso dos estabelecimentos sem encargos, ou seja, próprios ou cedidos gratuitamente, o valor do apoio é de 300 euros para encerrados e 150 euros para os parcialmente encerrados.

Os interessados poderão manifestar a sua candidatura através do regulamento já disponível na Secretaria da Câmara Municipal ou no site oficial do Município, onde poderá se também consultado o regulamento do Programa.

Apoios:

  • Estabelecimento Arrendados Encerrados: 90% do valor da renda mensal / prestação do empréstimo bancário associado à aquisição do estabelecimento + 300€;
  • Estabelecimentos Parcialmente Encerrados: 45% do valor da renda mensal / prestação do empréstimo bancário associado à aquisição do estabelecimento + 150€
  • Estabelecimentos Sem Encargos (próprios ou cedidos gratuitamente) Encerrados: 300€
  • Estabelecimentos Sem Encargos (próprios ou cedidos gratuitamente) Parcialmente Encerrados: 150€
,