Homem identificado por pesca ilegal

O Comando Territorial de Bragança, através do Núcleo Proteção do Ambiente (NPA) do Destacamento Territorial de Moncorvo, identificou um homem de 65 anos por pesca ilegal, naquela localidade.

No âmbito de uma denúncia recebida pela Linha SOS Ambiente, foi intercetada uma viatura, tendo-se verificado, durante a sua fiscalização, diverso material utilizado na pesca profissional e seis quilos de peixe denominados por Barbo-comum, espécie que se encontra em defeso para pesca profissional até 30 de junho.

A GNR informa ainda que foi elaborado o respetivo auto de contraordenação e apreendido todo o material na posse do pescador: seis redes de pesca profissional, seis quilos de peixe ( barbo comum), três remos de barco, duas bóias, dois fatos de água, um par de botas de borracha, uma embarcação de borracha e uma bomba de ar.

O peixe apreendido foi entregue na Fundação Francisco António Meireles em Torre de Moncorvo, enquanto o material apreendido foi entregue no Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas em Bragança.

,