Foz Côa recebe 6ª Bandeira Verde consecutiva

O Município de Vila Nova de Foz Côa recebeu, pelo sexto ano consecutivo, o Prémio de Autarquia Mais Familiarmente Responsável, distinção atribuída pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR).

Por se tratar da sexta bandeira consecutiva, este ano Foz Côa recebeu a Bandeira Verde com Palma, numa cerimónia que teve lugar nas instalações do CEFA em Coimbra, no dia de ontem, 29 de novembro.

O Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR) é uma iniciativa da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN), em parceira com Instituto da Segurança Social, e acompanha, reconhece e divulga a tomada de medidas facilitadoras da vida às famílias que vivem nas autarquias portuguesas. Tendo como Mecenas a Fundação Millennium BCP, é o único Observatório que avalia políticas locais com total abrangência de áreas avaliadas e cobertura de todo o território nacional.

O galardão de Autarquia Mais Familiarmente Responsável, foi entregue a Foz Côa, fruto de políticas municipais mais amigas das famílias que contribuem, efetivamente, para o aumento da qualidade de vida dos cidadãos.

Andreia Polido de Almeida, Vereadora da Acção Social, Saúde e Turismo do município foi quem recebeu a distinção, tendo afirmado no final da cerimónia que “este prémio é o resultado de medidas de acção social e saúde desenvolvidas desde há quase uma década pelo município, algumas delas pioneiras em Portugal, que têm servido como exemplo de boas práticas para outros municípios e que, naturalmente, têm tido impacto positivo em largas centenas de famílias no concelho”.

Recorde-se que o Observatório avalia 9 áreas de apoio às famílias do município: Apoio à maternidade e paternidade; Apoio às famílias com necessidades especiais; Serviços básicos; Educação e formação; Habitação e urbanismo; Transportes; Saúde; Cultura, desporto, lazer e tempo livre; Cooperação, relações institucionais e participação social; Outras Iniciativas. Também avalia medidas disponibilizadas aos trabalhadores das autarquias em termos de conciliação entre trabalho e família.

Em 2017, dos 308 municípios, candidataram-se 115 autarquias e 61 foram distinguidas com o galardão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *