Acidente leva a vida de quatro emigrantes portugueses

Acidente  leva a vida de quatro emigrantes portugueses / Foto: Direitos Reservados

Acidente leva a vida de quatro emigrantes portugueses / Foto: Direitos Reservados

Quatro mortos e três feridos graves na sequência de um acidente de autocarro, no passado domingo, que partiu de Foz Côa com destino a Genebra e Friburgo, Suíça. Perderam a vida um casal e uma mulher, com cerca de 60 anos, naturais da freguesia de Freixo. Entre os feridos graves encontra-se um bebé de 2 anos a inspirar cuidados.

O despiste provocou, além de quatro mortos, três feridos graves e 25 ligeiros, todos emigrantes portugueses, informou a Secretaria de Estado das Comunidades.

O despiste ocorreu pelas 04h30 hora local (menos uma hora em Portugal Continental) na Estrada Nacional 79, na direção Mâcon-Moulin, em França. Também conhecida como “estrada da morte” por ser perigosa e palco de vários acidentes.

Sobre as possíveis causas do desastre, tem-se mencionado as condições meteorológicas desfavoráveis, o que fez com que  o piso estivesse extremamente escorregadio devido ao gelo.

O dono da transportadora “Rota das Gravuras” manifestou a mesma opinião sobre a motivo do acidente, afirmando ainda que os dois motoristas eram experientes e que o autocarro estava em condições.

, , , , ,