Rali de Mesão Frio distingue-se pelas “mais belas paisagens” nas margens do rio Douro

A cerimónia do pódio realizou-se nos Claustros da Câmara Municipal de Mesão Frio/ Foto: Salomé Ferreira

A cerimónia do pódio realizou-se nos Claustros da Câmara Municipal de Mesão Frio/ Foto: Salomé Ferreira

As encostas do Douro foram mais uma vez palco do Rali Município de Mesão Frio que foi para a estrada nos dias 27 e 28 de agosto. Alberto Pereira, presidente da autarquia, faz um balanço “bastante positivo” da prova deste ano, revelando que esta “é uma grande aposta do município que é para continuar”.

O município de Mesão Frio juntou-se assim mais um ano ao Clube Automóvel da Régua no apoio à organização da prova disputada nos cenários únicos das margens do Rio Douro, a contar para o Campeonato Regional Norte de Ralis e Troféus Intermunicípios, organizado pelo Team BAIA.

Para o presidente do município o Rali é uma “grande aposta que é para continuar”, revelou ao VivaDouro no final da prova.

“Dou-me por muito satisfeito no balanço final desta edição”, acrescentou Alberto Pereira, edil da autarquia mas também piloto na prova.

Ao sair do Seat Ibiza 1.BT, que conduziu ao lado de Duarte Pereira, o autarca revelou ao VivaDouro que “a prova correu muito bem acima de todas as expectativas, hoje era impossível correr melhor”, constatou.

Jerónimo Alves, Presidente do Clube Automóvel da Régua/ Foto: Salomé Ferreira

Jerónimo Alves, Presidente do Clube Automóvel da Régua/ Foto: Salomé Ferreira

O Rali Município de Mesão Frio apresentou-se este ano com algumas novidades, nomeadamente a Classificativa de Oliveira, que se juntou às já disputadas anteriormente, de Barqueiros e Cidadelhe, com a de Barqueiros a ser disputada por duas vezes.

Jerónimo Alves, diretor de prova e presidente do Clube Automóvel da Régua (CAR), revela que “quando fizeram o reconhecimento os pilotos adoraram este novo troço”, afirmou ao VivaDouro. “É um percurso curto mas muito técnico, tem muitas curvas difíceis de fazer”, explicou.

Rali de Mesão Frio decorreu nos dias 27 e 28 de agosto/ Foto: Salomé Ferreira

Rali de Mesão Frio decorreu nos dias 27 e 28 de agosto/ Foto: Salomé Ferreira

Para Jerónimo Alves o balanço final é igualmente “muito positivo”, sendo que na opinião do representante do CAR “os troços privilegiam a paisagem e a beleza natural do Douro”, elemento que caracteriza este Rali que se realiza na mais antiga Região Demarcada do Mundo.

Rali de Mesão Frio com cada vez mais participantes

A realizar-se no município desde 2012, o Rali Município de Mesão Frio “tem aumentado todos os anos o número de participantes”, revelou Alberto Pereira, presidente da autarquia, sendo que de acordo com o edil “este ano também aumentou a qualidade dos participantes”.

Tendo como pano de fundo o rio Douro, foram 37 os pilotos que participaram no Rali Município de Mesão Frio 2016, apesar de o número de inscritos ter sido superior.

Ana Pinto e Rui Fonseca, Participantes/ Foto: Salomé Ferreira

Ana Pinto e Rui Fonseca, Participantes/ Foto: Salomé Ferreira

Rui Fonseca já é piloto há vários anos e veio de propósito da Suíça para participar na prova em Mesão Frio, “jurei que enquanto pudesse e Deus me desse saúde ia fazer sempre este Rali”, afirmou o participante que teve um acidente “muito grave” na edição de 2014. “É uma paixão que tenho desde miúdo”, revelou ao VivaDouro.

Para o piloto de Marco de Canaveses a Classificativa de Oliveira, adicionada este ano, “foi espetacular, é uma coisa nova e o público também estava em massa a aderir e apoiar, gostei muito”.

Ao longo do percurso Rui Fonseca teve ainda oportunidade de apreciar a “ paisagem deslumbrante” do Douro, elemento evidenciado pela maior parte dos participantes.

Beatriz Pinto, jovem de 23 anos, começou há cerca de um ano a acompanhar Rui Fonseca na função de navegadora, copiloto que apoia o piloto ao longo do percurso da prova. “Desde que me comecei a sentar no lado direito que adorei a sensação, é completamente diferente, não é nada do que as pessoas pensam, é muito melhor”, revelou ao VivaDouro.

Uma das poucas mulheres entre tantos homens, Beatriz Pinto confessa que se sente “muito acarinhada” pelos concorrentes masculinos, sendo que para a copiloto o género não a impede de ter o sonho de vir a ser ela a conduzir o carro de competição.

Também a jovem partilha a opinião dos restantes concorrentes no que diz respeito à beleza do Rali de Mesão Frio, “esta prova é linda, é o melhor Rali que eu já fiz”, afirmou.

João Vinha e Marcos Silva, participantes / Foto: Salomé Ferreira

João Vinha e Marcos Silva, participantes / Foto: Salomé Ferreira

João Vinha, concorrente de Penafiel, considera que “os troços são fantásticos, muito bonitos, a paisagem é lindíssima e a organização está de parabéns”, declarou.

Também Marcos Silva, navegador de João Vinha, evidenciou o percurso, “foi muito positivo, o traçado é espetacular, os troços são muito agradáveis, exigem condução”, assegurou ao VivaDouro.

Vítor Pascoal e Pedro Alves foram os mais rápidos no Rali de Mesão Frio

Vítor Pascoal e Pedro Alves somaram assim nova vitória em termos absolutos, seguindo a época com o Rali Viana do Castelo.

“Saímos do rali com um balanço muito positivo. Conseguimos atingir as nossas principais ambições, que eram essencialmente acumular quilómetros com o carro e dar sempre continuidade à evolução com o Porsche, que tem sido um pouco mais difícil do que esperávamos. Além disso fomos os mais rápidos em prova, o que foi um justo prémio para toda a equipa e que nos motiva para continuar o trabalhar para as próximas provas”, salienta Vítor Pascoal.

Porém, o vencedor do Rali de Mesão Frio no que ao Regional diz respeito foi Ricardo Costa, que para além de ter vencido um troço, terminou no segundo da geral a 13s de Vítor Pascoal.

Ricardo Costa, Piloto/ Foto: Salomé Ferreira

Ricardo Costa, Piloto/ Foto: Salomé Ferreira

“O campeonato está a correr bem, estamos neste momento em 2.º lugar e esta prova foi sem dúvida uma das melhores do campeonato”, afirmou o piloto ao VivaDouro.

, , , , , ,