Misericórdia e Museu de Lamego apelam a mecenas para restaurar esculturas do século XVI

No ano em que comemora o 500º aniversário da sua existência, a Santa Casa da Misericórdia de Lamego promove um extenso programa de atividades culturais, de natureza diversa, com a missão de contribuir para a salvaguarda e a difusão do património cultural, material e imaterial, do concelho. 

Neste sentido, foi estabelecida uma parceria com o Museu de Lamego para apresentar um programa variado e alargado de atividades culturais. A primeira ação, já em curso, é a realização de uma campanha de angariação de fundos, que pretende devolver à fruição pública duas esculturas alusivas a episódios da Paixão de Cristo que integraram o recheio da antiga Igreja da Misericórdia, destruída em 1911 por um incêndio de grandes proporções.

Esta iniciativa integra o projeto “Conhecer Conservar Valorizar” desenvolvido pelo Museu de Lamego, desde 2011, do qual já resultou o restauro de três pinturas do século XVI e um retábulo em talha dourada do século XVII. A nova campanha de angariação de fundos apela às pessoas para que sejam mecenas e façam a sua contribuição para submeter as obras de arte, em risco de perda, a um tratamento de conservação e restauro. O investimento previsto é de 4049,07 €.

A campanha já está em andamento e aceita contribuições em dinheiro, cheque e depósito ou transferência bancária.

O Provedor da Misericórdia de Lamego, António Marques Luís, elogia a criação desta iniciativa que pretende valorizar duas esculturas da segunda metade do século XVI a necessitar de intervenção urgente: “Na continuidade da importância que a Mesa Administrativa vem dando à atividade cultural da cidade, consideramos muito importante esta parceria com a instituição mais representativa da cultura, na nossa cidade e do nosso concelho”.

Também a diretora do Museu de Lamego, Alexandra Falcão, enaltece o lançamento desta campanha: “O Museu de Lamego e a Santa Casa possuem uma herança em comum. Por ocasião dos 500 anos da primeira instituição fundada em Lamego, com fins assistenciais e caritativos, convocamos o passado que é partilhado por ambos, por meio de diversas iniciativas a decorrer ao longo do ano”.

COMO PARTICIPAR [MODALIDADES DE PAGAMENTO]

DINHEIRO: No Museu de Lamego, na sala Conhecer Conservar Valorizar.

CHEQUE: Endossado: Liga dos Amigos do Museu de Lamego

Enviar para: Museu de Lamego, Largo de Camões 5100-147 Lamego

DEPÓSITO OU TRANSFERÊNCIA BANCÁRIA: Liga dos Amigos do Museu de Lamego

IBAN: PT50003503900006119513010

BIC/SWIFT: CGDIPTPL

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *