Câmara de Lamego duplica rede de oleões na cidade

0
Câmara de Lamego duplica rede de oleões na cidade

O Município de Lamego está a instalar uma rede de vinte e quatro novos oleões na cidade, para deposição de óleos alimentares produzidos pelo setor doméstico.

Este sistema de recolha seletiva, é semelhante aos existentes para o papel, plástico, vidro e pilhas, e apesar de ser doméstico, também pode ser utilizado pela restauração. Na prática, a autarquia vai duplicar o número de oleões existentes de modo a passar a abranger as novas urbanizações da cidade de Lamego.

“Os antigos oleões encontravam-se danificados e sem possibilidade de recuperação. Originavam uma recolha deficitária dos óleos alimentares usados e derrames frequentes deste tipo de resíduos. Havia, por isso, alguns problemas de ordem ambiental associados”, justifica Fábio Duarte, Vereador dos Serviços Urbanos da Câmara Municipal de Lamego.

O investimento municipal ascende a 15.120,00€, mais IVA, incluindo a manutenção dos equipamentos.

Os óleos alimentares recolhidos são destinados à produção de produtos na área dos biocombustíveis (biodiesel) ou na área química, caso não apresentem a qualidade mínima necessária para valorização ao nível dos biocombustíveis.