Emblemas da Primeira Liga abrilhantam torneio de futebol em Tarouca

Nos passados dias 16 e 17 de junho, a cidade de Tarouca foi palco de um torneio de futebol em juniores, um evento onde participaram, entre outros, o GD Chaves, Os Belenenses e o CD Tondela.

O torneio, que se realizou no Complexo Desportivo de Tarouca foi disputado debaixo de muito calor, tanto que os jogos da parte da tarde acabaram por sofrer um ligeiro atraso, tentando assim escapar ao pico de calor.

Para Duarte Lobo, coordenador do torneio, “este torneio tem duas valências muito grandes, a primeira é o facto de valorizar este clube, o Sport Clube de Tarouca, que tem apenas quatro anos de existência no futebol de camadas jovens, depois para também valorizar esta modalidade, o futebol, no nosso concelho.

Também é importante o facto de trazermos cá estes clubes, a grande maioria destas pessoas não conhecia a nossa cidade e esta é também uma forma de lhes mostrar o que aqui temos”.

Duarte Lobo destacou ainda o apoio da autarquia local na organização do evento, o maior que o clube, com apenas quatro anos de existência, organizou até hoje.

“Nunca tínhamos organizado nenhum evento desta dimensão. Da parte do município houve toda a disponibilidade para ajudar nesta organização, e isso é muito importante para nós”.

Tiago, Luís Correia e Duarte Lobo

Da parte da autarquia, o Vice-Presidente, José Damião, presente no complexo, sublinhou a importância da prática de desporto, em especial entre os mais novos, “a aposta no desporto é muito importante para nós, por isso apoiar a realização de eventos como este é uma forma de fomentar esta prática entre os mais novos”.

Outra ideia partilhada entre o coordenador do torneio e José Damião, é a dimensão dos adversários e a sua preparação.

“Uma vez que estas equipas já têm mais tempo de trabalho podemos sempre aprender com eles, no interior já se faz muito e muito bem mas podemos sempre melhorar, em especial no nosso caso que estamos aqui ainda há pouco tempo. Estes atletas estão no seu último ano de formação e há sempre a possibilidade, num evento destes, de se mostrarem e conseguirem chegar ao nível profissional por convite de uma destas equipas”, afirma Duarte Lobo, concluindo que, “se quisesse que eles acabassem os jogos felizes teríamos convidado equipas mais fracas, a ideia aqui não é essa, é estimulá-los a fazer mais e melhor, daí trazermos equipas deste patamar.

“Terem oportunidade de jogar contra equipas de renome a nível nacional é estimulante para eles, não só para continuarem a praticar desporto como para tentarem fazer cada vez mais e melhor. Não aparece um Cristiano Ronaldo todos os dias mas a presença destes clubes de primeira liga aqui é importante porque podem ver potencial em algum dos nossos jovens e levá-los para as suas equipas”, concluiu o vice-presidente da autarquia à nossa reportagem.

Também Luís Correia, presidente do Sport Clube de Tarouca, não escondia a sua satisfação, “é com grande orgulho que conseguimos trazer estas equipas aqui e ver os nossos atletas a jogar contra eles”, afirmou, concluindo que ”o pensamento é sempre melhorar, ano após ano, e um torneio internacional é algo que está no nosso horizonte”.

,