Exposição de escultura permanente enriquece Carrazeda de Ansiães

Foram inauguradas no passado dia 8 de maio mais duas obras de arte da autoria dos escultores carrazedenses Hélder de Carvalho e Paulo Moura. As duas novas esculturas passaram também a integrar o Parque Internacional de Escultura de Carrazeda de Ansiães.

Em “Pedras de Identidade”, umas das obras inauguradas da autoria de Hélder de Carvalho, foca-se a temática da história local, sendo este o elemento inspirador que esteve na origem desta criação. A escultura representa um momento crucial da história concelhia, e particularmente a data de 1734, altura em que num ato simbólico o pelourinho de Ansiães é intencionalmente quebrado e o concelho é transladado para Carrazeda de Ansiães.

A sua implantação frente à Praça do Município reveste-se também de uma valoração simbólica, “uma vez que se trata do lugar onde atualmente reside o poder administrativo local e onde se acredita que voltará a existir o poder judicial”.

José Luis Correia, presidente da Câmara Municipal, realça “que o Parque Internacional de Escultura de Carrazeda de Ansiães e a Galeria Alberto Carneiro são estruturas de extrema importância para a projeção e divulgação do concelho no contexto dos locais associados à arte contemporânea”.

O autarca sublinhou também a importância de dotar Carrazeda de Ansiães com obras de arte contemporânea, uma vez que, salientou, “estamos a efetuar um investimento no futuro e a deixar uma marca da nossa contemporaneidade artística”.

 

 

 

, , , , ,