GNR apreendeu vinho furtado à Casa do Douro

DSC_4463

A GNR aprendeu 150 garrafas e 250 litros de vinho do Porto a granel/ Foto: Salomé Ferreira

A GNR aprendeu 150 garrafas e 250 litros de vinho do Porto a granel que se suspeita terem sido roubados da Casa do Douro. Já foram identificados dois suspeitos.

O tenente-coronel João Morgado, da GNR de Vila Real, afirmou à agência Lusa que as apreensões decorreram no âmbito de uma investigação que decorria há alguns meses, após o alerta dado pela instituição da Lavoura Duriense.

Foram apreendidas 150 garrafas de vinho do porto de 1963 e 250 litros de vinho do porto a granel, que se encontravam na propriedade de um dos homens que acabou por ser identificado pela GNR.

Ao todo foram identificados dois indivíduos, um na casa dos 40 anos e outro dos 50 anos, sendo que já têm processos em curso relacionados também com furtos de vinho. Os dois suspeitos já estavam sobre medidas de coação, Termo de Identidade e Residência e apresentações periódicas às forças policiais, que foram mantidas agora.

A GNR vai avançar com a investigação de forma a confirmar a origem do vinho apreendido.

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,