Jovem realizador português premiado em festival internacional de cinema

José Paulo Santos, realizador do documentário "...além da sala de espera"/Foto: Direitos Reservados

José Paulo Santos, realizador do documentário “…além da sala de espera”/Foto: Direitos Reservados

O documentário “…além da sala de espera” foi premiado, na passada sexta-feira, no ART & TUR – Festival Internacional de Cinema de Turismo, em Vila Nova de Gaia, com uma Menção Honrosa na categoria de Vida Humana. O filme realizado por José Paulo Santos, aluno de mestrado e investigador em Ciências da Comunicação da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), vai ainda marcar presença em dois festivais internacionais nos Estados Unidos e na Índia, já no mês de novembro.

O documentário retrata a vida singular de “Maria Feliz” e “Feliz”, nomes adotados por um casal de eremitas alemães que deixou o país de origem há três décadas, para viver em modo-auto sustentado, na aldeia de Moçães, em Vila Real.

O filme retrata a vida singular de dois eremitas a Maria Feliz e o Feliz

O filme retrata a vida singular de dois eremitas a Maria Feliz e o Feliz/ Foto: Direitos Reservados

Em Novembro o documentário vai estar presente em dois festivais internacionais: 11th Chinese American Film Festival (EUA), 4th Delhi International Film Festival 2015 (India).

José Paulo Santos foi jornalista colaborador da TVI entre 2001 até Março de 2014, sendo atualmente investigador na Universidade de Trás os Montes e Alto Douro na área das Ciências da Comunicação.

Realizado anualmente, desde 2008, a organização do Festival ART&TUR destacou que “esta edição fica marcada pelo recorde de participação”, foram 54 países e 256 filmes em competição.

 

 

 

 

 

 

, , , ,