Lamego regista participação recorde em ação ambiental nacional

Esta iniciativa integrou o projeto “Plogging Challenge Portugal”, dinamizado em simultâneo em 22 localidades de todo o país. Lamego foi a cidade que reuniu o maior número de participantes.

Mais de 50 voluntários promoveram uma ação de recolha de lixo na Mata dos Remédios para sensibilizar a comunidade para a urgência de manter limpo este “pulmão verde” da cidade de Lamego.

Ricardo Pereira, impulsionador do projeto de cidadania #lamegoeuacredito, foi o coordenador local desta ação. “Muitos lamecenses, de diferentes idades, aceitaram o repto e participaram nesta atividade que juntou a vertente desportiva à proteção ambiental da Mata dos Remédios. Todos os objetivos foram alcançados. Esta enorme adesão confirma que a cidadania está viva no seio da nossa comunidade”, afirma.

Ao longo da manhã de 10 de outubro, foram recolhidos muitos sacos de lixo, numa extensa área, que foram depois depositados nos contentores existentes no Santuário dos Remédios. O lixo foi constituído, sobretudo, por máscaras, toalhetes, garrafas de plástico e de vidro, maços de tabaco e muitos outros materiais. A Mata dos Remédios ficou, após esta operação, muito mais limpa.

No final desta ação de sensibilização, o Reitor do Santuário dos Remédios, Padre João Teixeira, recebeu os voluntários de braços abertos e dirigiu-lhes uma palavra de agradecimento pelo seu contributo para um mundo melhor. Também marcou presença nesta nobre iniciativa o Andebol Club de Lamego, associação desportiva que celebrou naquele dia o seu 31º aniversário, através da participação de jovens atletas.