Maioria dos durienses dá nota positiva aos autarcas

Numa sondagem realizada pela Multidados para o VivaDouro, os autarcas do Douro merecem avaliação positiva por parte dos seus munícipes. A média da região é de 83%.

No topo da lista dos autarcas com melhor avaliação estão Maria do Céu Quintas, de Freixo de Espada à Cinta e Mário Artur Lopes, de Murça, ambos com 100% de avaliações positivas. Gustavo Duarte, autarca de Vila Nova de Foz Côa surge logo atrás com 98%. Este pódio encerra com os autarcas de Alijó e Moimenta da Beira, José Paredes e José Eduardo Ferreira, ambos com 95% de avaliações positivas.

Entre os autarcas com mais avaliações negativas a lista é liderada por Alberto Pereira, autarca de Mesão Frio que recolhe 33%, seguido por Rui Santos, Vila Real e Manuel Cordeiro, S. J. da Pesqueira, com 20%. Com 18% de avaliações negativas, a fechar esta classificação, está Domingos Carvas, autarca sabrosense.

Por ser residual a opção “Não Sabe/Não Responde” não foi considerada no gráfico

Entre os setores em que os autarcas durienses merecem mais avaliações de desempenho positivas estão a Segurança (92%), a Educação (88%) e a Cultura (88%). Na outra extremidade desta avaliação estão a Atração de Investimento (76%), Águas e Saneamento (78%) e a Rede Viária (78%).

De acordo com os resultados obtidos, e ainda numa lógica regional, as Estradas/Acessos/Caminhos (21%), a Limpeza de Bermas/Matos/Valetas (17%), e a Limpeza das ruas/Contentores/Ecopontos (16%), são os três principais problemas que mais preocupam os habitantes dos 19 municípios.

Entre os setores em que os durienses demonstram menos preocupações estão as Infraestruturas Desportivas (1%), Ruas/Iluminação/Passeios (4%) e os Lares/Centros de Dia/Apoio Social/Apoio a Idosos (6%).

 

Análise por município 

Avaliação dos autarcas por setores / Intenção de voto caso eleições fossem amanhã

Alijó – José Paredes

 

 

 

 

 

 

 

 

Armamar – João Paulo Fonseca

 

 

 

 

 

 

 

 

Carrazeda de Ansiães – João Gonçalves

 

 

 

 

 

 

 

 

Freixo de Espada à Cinta – Maria do Céu Quintas

 

 

 

 

 

 

 

 

Lamego – Ângelo Moura

 

 

 

 

 

 

 

 

Mesão Frio – Alberto Pereira

 

 

 

 

 

 

 

Moimenta da Beira – José Eduardo Ferreira

 

 

 

 

 

 

 

 

Murça – Mário Artur Lopes

 

 

 

 

 

 

 

 

Penedono – Carlos Esteves de Carvalho

 

 

 

 

 

 

 

 

Peso da Régua – José Manuel Gonçalves

 

 

 

 

 

 

 

 

Sabrosa – Domingos Carvas

 

 

 

 

 

 

 

 

Santa Marta de Penaguião – Luís Machado

 

 

 

 

 

 

 

 

São João da Pesqueira – Manuel Cordeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

Sernancelhe – Carlos Silva

 

 

 

 

 

 

 

 

Tabuaço – Carlos Carvalho

 

 

 

 

 

 

 

 

Tarouca – Valdemar Pereira

 

 

 

 

 

 

 

 

Torre de Moncorvo – Nuno Gonçalves

 

 

 

 

 

 

 

 

Vila Nova de Foz Côa – Gustavo Duarte

 

 

 

 

 

 

 

 

Vila Real – Rui Santos

 

 

 

 

 

 

 

 

Ficha Técnica:

Esta sondagem foi realizada com recurso a 600 entrevistas telefónicas, realizadas entre 13 e 22 de outubro, obtendo uma taxa de resposta de 86,96%. A seleção foi aleatória, estratificada e polietápica dos pontos de amostragem e dos entrevistados, proporcional aos dados dos Censos do INE – 2011, por sexo, idade e nível de instrução. A margem de erro é +/- 4%, com 95% de margem de confiança.