“Os Novos Desafios de Desenvolvimento Sustentável” em Tarouca

Discurso de Valdemar Pereira, presidente da Câmara Municipal

Discurso de Valdemar Pereira, presidente da Câmara Municipal

Realizou-se a 4 de dezembro o seminário “Os Novos Desafios de Desenvolvimento Sustentável”, no auditório municipal Adácio Pestana, em Tarouca. A atual crise humanitária, os direitos humanos e o desenvolvimento humano equitativo e sustentável foram alguns dos principais temas discutidos no seminário.

A rede social de Tarouca, sobre égide do ano Europeu do Desenvolvimento, promoveu o Seminário “Os Novos Desafios de Desenvolvimento Sustentável”, que teve como principal objetivo fomentar uma reflexão em torno da cooperação internacional na defesa da dignidade humana e combate à pobreza, sensibilizando para as políticas de desenvolvimento da União Europeia.

Valdemar Pereira, presidente da Câmara Municipal, afirmou que “é preciso envolver a sociedade civil, o que o município tem feito muito bem”, concluindo que “este é um problema global e é necessário que toda a gente se preocupe com ele”.

O evento contou com a presença de Daniela Nascimento, investigadora do Centro de Estudos Sociais e professora auxiliar no Núcleo de Relações Internacionais da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, que dissertou sobre as diversas políticas de desenvolvimento com enfâse nos direitos humanos, “uma preocupação atual e um direito de todos, independentemente de onde se encontram”, afirmou.

A palestrante Maria Teresa Morais, presidente do Conselho Português para os Refugiados, salientou a importância do tema por “ser um problema atual, que implica os direitos humanos e o desenvolvimento sustentável”, declarou. O último discurso foi da autoria de Pedro Krupenski, diretor de Desenvolvimento da Oikos, que dissertou sobre a cooperação os diversos povos, para que haja um desenvolvimento sustentável positivo.

Na abertura da cerimónia estiveram ainda presentes diversas personalidades do concelho, como Susana Gouveia, presidente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Tarouca, que frisou o “papel crucial da CPCJ no processo de luta contra a discriminação e pobreza dos jovens, promovendo os seus direitos e o seu bem-estar”. Eduardo da Costa Almeida, diretor do Agrupamento de Escolas, não perdeu a oportunidade para salientar que “apesar de todos os avanços, o mundo continua muito desigual”.

O presidente da Assembleia Municipal de Tarouca, Domingos Nascimento, revelou que “para os autarcas é um desafio manter um desenvolvimento sustentável. Temos que trabalhar todos em conjunto, devemos criar um novo paradigma de desenvolvimento”, realçando a importância da promoção do desenvolvimento.

, , ,