Passeio Sénior visa evitar o “isolamento” sénior

Na foto: Nuno Gonçalves, presidente da autarquia, com alguns séniores reguenses | Foto: Direitos Reservados

Na foto: Nuno Gonçalves, presidente da autarquia, com alguns séniores reguenses | Foto: Direitos Reservados

Realizou-se este mês a décima-primeira edição do Passeio Sénior promovido pelo município do Peso da Régua. Foram cerca de dois mil os participantes da iniciativa que contribui para “uma vida ativa” dos seniores reguenses.

O destino escolhido para mais uma para mais uma edição da iniciativa Passeio Sénior foi Valença do Minho. O projeto insere-se na política social do município reguense que tem como principal objetivo “continuar a promover a qualidade de vida dos munícipes, dando particular enfoque às necessidades dos seniores”, revelou a autarquia. Para o município do Peso da Régua é necessário combater as situações de “isolamento” entre os mais velhos, “contribuindo ainda para que tenham uma vida ativa, plenamente integrados no meio onde vivem”, afirmou.

À semelhança de anos anteriores, o Passeio realizou-se em três viagens. No dia 5 de setembro, a iniciativa contou com a presença dos seniores das freguesias de Canelas, Covelinhas, Galafura, Poiares e Vilarinho dos Freires. No dia 7 de setembro, foi a vez dos seniores de Loureiro, Peso da Régua, Moura Morta e Vinhós. A terceira viagem, realizada a 9 de setembro, reuniu os seniores de Godim, Fontelas e Sedielos.

As edições anteriores tiveram como destino em 2006, o Santuário do Sameiro, em Braga; em 2007, o Convento de Santa Clara-a-Nova; em 2008, a Serra da Estrela; em 2009, o Santuário de Fátima; em 2010, Santiago de Compostela; em 2011, o Santuário de Santa Luzia, em Viana do Castelo; em 2012, Nazaré; em 2013, Figueira da Foz; em 2014, Mealhada e em 2015, São Bento da Porta Aberta.

“O Passeio Sénior é, igualmente, uma oportunidade de convívio e de descoberta de diferentes locais do País, alguns deles com redobrado significado religioso”, referiu a autarquia em comunicado.

A iniciativa foi organizada pelo município do Peso da Régua, com a colaboração das Juntas de Freguesias, Instituições de Solidariedade Social, ACES Douro e Marão e Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Peso da Régua.

, , ,