Movimento Causa do Douro apresenta plataforma colaborativa

Com o intuito de estar mais próximo dos viticultores e auscultar as suas preocupações com a viticultura duriense, o Movimento Causa do Douro apresentou uma plataforma colaborativa onde os viticultores poderão apresentar as suas ideias e preocupações sobre a região.

Em comunicado enviado às redações, o movimento afirma que tem estado em contacto permanente com os viticultores da região “num processo de auscultação às sensibilidades e problemáticas dos viticultores, por forma a fortalecer a sua base de apoio e, por sua vez, alicerçar o projeto que apresentará como candidatura à Casa do Douro”.

Contudo, perante o adiamento devido à pandemia Covid-19, o movimento afirma que não ficará “de braços cruzados à espera do novo ato eleitoral”, tendo para isso criado a plataforma que agora apresenta.

Leia aqui o comunicado completo:

“O Movimento – Causa do Douro tem percorrido a Região Demarcada do Douro num processo de auscultação às sensibilidades e problemáticas dos viticultores, por forma a fortalecer a sua base de apoio e, por sua vez, alicerçar o projeto que apresentará como candidatura à Casa do Douro.

Perante os últimos factos, referentes à suspensão do processo eleitoral na Casa do Douro enquanto vigorar o estado de emergência motivado pela pandemia COVID-19, decisão emanada pelo Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, vimos publicamente saudar a decisão.

Consideramos que o ato eleitoral, por força deste imprevisto, se encontrava condicionado pelo impedimento de circulação. Neste sentido, apelamos à tolerância que o momento exige, e a uma reflexão sobre os passos a dar quando for possível reiniciar todo o processo eleitoral.

O Movimento – Causa do Douro, considera que a oportunidade que a Região Demarcada do Douro tem com a reestruturação de uma nova Casa do Douro, exige clarividência no processo eleitoral, que por força deste período difícil de prever, comprometeu todo o cronograma em vigor. Pretendemos assim deixar para reflexão a necessidade do processo eleitoral ser novamente realizado de raiz. Consideramos, que assim fortalecerá o processo e legitimará de forma mais clarividente quem vencer as eleições, é um caminho que por certo melhor servirá os interesses da Casa do Douro e de todos os viticultores durienses.

Perante este impasse sobre o futuro, o Movimento – Causa do Douro não se limitará a estar de braços cruzados à espera do novo ato eleitoral, assim sendo continuará a construir e a fortalecer o seu projeto com o objetivo de liderar a Casa do Douro. Para o efeito, desenvolveu uma plataforma colaborativa, onde cada Duriense poderá partilhar o seu contributo e visão. Os contributos recebidos servirão de base construtiva ao plano estratégico da “Causa do Douro”.

Pretendemos gerar envolvência e massa crítica, pois temos pela frente enormes desafios que requerem união e solidariedade de toda a região.

A plataforma está disponível em www.causadodouro.pt.

Por fim, queremos deixar uma palavra de alento e esperança a todos os viticultores neste período de indefinição, juntos venceremos”.

, ,