Baixo Sabor com mais de meio milhão de euros para rota de pintura mural

0

A Associação de Municípios do Baixo Sabor vai promover uma “Rota da Pintura Mural”, dispondo de mais de meio milhão de euros para recuperação e restauro de pinturas murais em vários templos deste território.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Associação de Municípios do Baixo Sabor (AMBS), Eduardo Tavares, disse que este projeto era um anseio dos quatro autarcas que integram esta entidade intermunicipal.

“A candidatura foi aprovada e trata-se de um anseio dos autarcas que representam os quatro municípios que integram a AMBS, sendo um objetivo importante para o território com finalidade de valorizar o turismo religioso, traçando assim uma rota turística como destino nesta região”, vincou o autarca.

Segundo uma publicação em Diário da República (DR), o projeto “História a Fresco – Rota da Pintura Mural” dispõe de um valor base de 527.261 euros.

De acordo com o documento, publicado em 07 de setembro, esta candidatura visa conservar e restaurar pinturas murais a fresco, estruturas retabulares, bem como a execução de pequenas intervenções de revisão e melhoramentos nos edifícios nos quatro concelhos abrangidos por esta associação intermunicipal: Alfândega da Fé, Mogadouro, Macedo de Cavaleiros e Torre de Moncorvo, no distrito de Bragança.

“Após a recuperação dos frescos existentes em capelas e igrejas destes quatro concelhos, vamos promover uma rota de visitação que prevê também a construção de centro de interpretação que ficará situado em Macedo de Cavaleiros”, explicou Eduardo Tavares.

O também autarca de Alfândega da Fé mostrou-se “muito satisfeito” com o arranque deste novo projeto para o território do Baixo Sabor, sendo considerado um passo “importante na consolidação da estratégia turística para o território dos Lagos do Sabor”.

“Esta intervenção faz parte da nossa estratégia turística para promoção e visitação dos Lagos do Sabor, para além desta rota da pintura mural fresco, prevê, ainda a criação de uma biorregião, complexos turísticos neste território, que conta também com circuito panorâmico composto por vários miradouros, entre os motivos de atração”, vincou Eduardo Tavares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui