Castelo de Ansiães recebe Torneio Medieval com sete equipas em competição

0
Castelo de Ansiães recebe Torneio Medieval com sete equipas em competição

Nos dias 20, 21 e 22 de maio o Carrazeda de Ansiães proporciona aos visitantes uma viagem na história, com lutas, mercado, visitas guiadas animadas, espetáculos de falcoaria, caça ao tesouro e sempre muita música e animação.

Não se trata de uma recriação, o Torneio Medieval que no dia 21 de maio acontece no Castelo de Ansiães, é bem real e envolve sete equipas em competição, cinco portuguesas e duas espanholas.

A atividade é promovida pelo Município de Carrazeda de Ansiães e conta, na organização, com equipa desportiva Portvcalle Combate Medieval. O torneio envolve os lutadores em diferentes modalidades, nomeadamente, Pro Fight, Arma de Haste, Espada Longa, Espada e Escudo, Espada e Broquel e 5×5. Todos os combatentes vão apresentar armaduras e armas medievais apropriadas para combate em contexto real.

É esta atividade que dá nome à iniciativa que durante três dias se foca na importância histórica da vila amuralhada de Ansiães.

No dia 20, ao início da tarde, um cortejo que envolve as escolas e a comunidade local, percorre as ruas da vila de Carrazeda e encaminha a população e os visitantes para o Mercado Medieval, que vai estar aberto nos dias 20 e 21 de maio, no jardim junto à Biblioteca Municipal. Neste Mercado vão estar presentes um conjunto de mercadores que demonstram e vendem produtos, tendas com diversificadas atividades, sempre acompanhados de animação itinerante, jogos e atuações de grupos musicais. Há também uma Taberna Medieval, com comida e bebida ao serviço dos visitantes.

No Castelo de Ansiães, no sábado, dia 21, das 15h00 às 16h00, os visitantes são recebidos e acompanhados na sua visita por ilustres personagens. Na porta de S. Francisco, vai estar o rei Fernando I de Leão, cognominado o Magno, que foi o primeiro Rei a atribuir carta de Foral a Ansiães. Numa das antigas habitações da vila medieval, o “anfitrião” é João Rodrigues Portocarreiro, rico-homem, meirinho-mor do Reino de Portugal.

Junto à capela de Santa Maria vai estar o ilustre Lopo Vaz de Sampaio, que nasceu na vila medieval de Ansiães e que tornou o 8º governador da Índia. E, por fim, junto ao antigo Pelourinho, dentro da Igreja de S. Salvador, é o Juiz de Fora Dr. Francisco Justiniano Ferraz de Araújo que recebe receber os visitantes.

Toda esta encenação, que permite a interação do publico com os personagens está a cargo do Grupo de Teatro Filandorra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui